terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Concerto de Natal encerrou temporada do 'Música na Matriz'


Apresentação natalina encerrou a temporada - Foto: Roberto Ferreira
 
No último domingo, 7, foi realizada a última edição de 2014 do projeto Música na Matriz, desenvolvido pela Prefeitura, através da Secretaria de Cultura. Marcando o encerramento das atividades, o projeto apresentou ao público um Concerto de Natal, interpretado pelo Trio Orpheus e os corais Rouxinóis da Serra e Casa de Portugal de Teresópolis.
 
Realizado na Igreja Matriz de Santa Teresa, na Praça Balthasar da Silveira, no Centro, o evento reuniu grande público e emocionou a plateia. No repertório, peças sacras, populares e, é claro, natalinas, encerrando com chave de ouro a temporada 2014.
 
Formado pelos músicos Célia Seabra, Geremias Cruz e Giordano Marrelli, o Trio Orpheus abriu o concerto com obras instrumentais. E depois disso, o trio e os dois corais se revezaram nas peças, em uma belíssima apresentação.
 
No repertório, obras como ‘O santíssimo’, ‘No la devemos dormir (la noche santa)’, ‘Villancico del pastorcillo’, ‘Canção para Jesus dormir’, ‘Natal de Elvas’, ‘Bandeira do Divino’, ‘Cálix Bento’, ‘Estrela do Oriente’, ‘Viva Noite de Natal’ e ‘Brilha uma estrela’. No encerramento, as clássicas ‘Noite feliz’ e ‘Sinos de Belém’, com todos cantando juntos em uma só voz.
 
Ao fim da apresentação, a coordenadora do projeto, Célia Seabra, agradeceu ao público sempre presente, desejando a todos votos de Feliz Natal e um Ano Novo de realizações.
 
“Com seus mais de 15 anos de apresentações, o Música na Matriz é um projeto consagrado, que prima pela música de qualidade e é muito prestigiado pelo público teresopolitano. Esta temporada se encerra aqui. Mas, em 2015, teremos mais”, comentou o Secretário de Cultura, Ronaldo Fialho.
 
Criado em 1994, o Projeto Música na Matriz tem a coordenação da professora Célia Seabra e conta com apresentações de março a dezembro, sempre no primeiro domingo de cada mês, às 16h, na Matriz de Santa Teresa, na Praça Balthasar da Silveira, no Centro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário