sábado, 16 de fevereiro de 2019

Parceria para o programa 'Cidade Inteligente' em Teresópolis


'Teresópolis: cidade inteligente e segura' - Foto: Jorge Maravilha

Aberto pelo Prefeito Vinicius Claussen nesta quinta-feira (14), no Teatro do SESC, o Workshop Internacional de Segurança ‘Teresópolis: cidade inteligente e segura’ apresentou experiências de sucesso na Espanha/Barcelona e no Brasil, bem como os desafios para a implementação de cidades inteligentes, programa que utiliza a tecnologia para a modernização da gestão pública e a melhoria na prestação de serviços à população.

Reunindo autoridades militares do Ministério de Defesa da Espanha, do Estado do Rio de Janeiro, de Teresópolis e outros municípios fluminenses, mestres e doutores da UFF (Universidade Federal Fluminense) e diretores da Associação Internacional de Polícia (IPA, na sigla em inglês), entre outros, o evento, organizado pela UFF (Universidade Federal Fluminense) e o Ministério de Defesa da Espanha, teve apoio da Prefeitura, do SESC e da IPA.

Autoridades do Ministério de Defesa da Espanha trouxeram as boas práticas e as evoluções de todas as movimentações de inteligência em que o país avançou nas questões de segurança. Já a UFF apresentou projetos do seu Laboratório de Gestão em Tecnologia da Informação e Comunicação e ofereceu a oportunidade de parceria para que Teresópolis se torne mais inteligente e segura.

“Teresópolis é um caso de sucesso na área de segurança, através de parceria estabelecida entre os órgãos de segurança da cidade. Viemos conhecer o sistema e debater as práticas nacionais e internacionais e ajudar Teresópolis a evoluir no conceito de cidade inteligente”, assinalou André Guedes. Ele é diretor da Rede Brasil de Cidades Inteligentes e Humanas e responsável pelo programa ‘Cidades Inteligentes’ da UFF no estado do Rio de Janeiro.

“Pretendemos partir para um convênio de cooperação técnica com a Universidade, elaborar projetos e pleitear recursos junto ao BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), Banco Interamericano de Desenvolvimento e o Banco Mundial para financiar a implantação do programa ‘Cidade Inteligente’ no município. Foi um evento surpreendente, que mostrou o caminho que devemos seguir para colocar Teresópolis no rumo da segurança e da inteligência”, pontuou o Prefeito Vinicius Claussen.

“Esse evento internacional trouxe altos conhecimentos técnicos e científicos para Teresópolis, com profissionais experientes do Brasil e da Espanha. Excelente para a Gestão Municipal, que trabalha para termos uma cidade inteligente”, avaliou Marcos Antonio da Luz, secretário Municipal de Segurança Pública.

Experiências

Chefe de Operações na Espanha, o Coronel Bruno Alonso pontuou que a construção de políticas públicas seguras e inteligentes passa pela integração entre as lideranças políticas e o setor privado, com o envolvimento da sociedade e de profissionais especializados.

Já o 1º Tenente Alexandre Rodrigo Moreira, do Quartel da 4ª Região Militar de Barcelona, falou sobre o uso da inteligência no combate ao crime organizado, ao narcotráfico e ao terrorismo. Especialista e consultor em defesa, o militar brasileiro mora há vários anos na Espanha com a família. “Em jornada pelo Brasil, o grupo veio a Teresópolis para contribuir, em termos de informações, sobre o que já existe na Europa, e contribuir com o que for necessário na questão da segurança e da inteligência”, resumiu.

Para Márcio Azevedo, consultor de Segurança da UFF, Teresópolis tem tudo para ser pioneira, na Região Serrana, na implantação do Programa ‘Cidade Inteligente’. “Nossa intenção foi apresentar para a sociedade teresopolitana a releitura do ‘Cidades Inteligentes e Seguras’ posta em prática em Barcelona, na Europa, e mostrar que é possível, no Brasil, entrar na Revolução 4.0”, disse o consultor, se referindo a uma nova lógica de produção que nasceu na Alemanha, em 2011, dando início ao processo de digitalização da operação industrial através da interconectividade.

Escritório da IPA em Teresópolis

No encerramento do Workshop Internacional de Segurança foi anunciado que Teresópolis vai ganhar um escritório da Associação Internacional de Polícia (IPA, na sigla em inglês). Inclusive, foram anunciados os nomes que comporão a diretoria da unidade.

Implementar a integração entre os profissionais da segurança pública em Teresópolis e região e movimentar o turismo através de eventos técnicos e esportivos são alguns dos objetivos da IPA na cidade. “Pretendemos realizar jogos policiais, eventos de intercâmbios culturais e vários workshops na área de segurança e afins, fomentando o turismo. É mais uma pauta positiva para Teresópolis”, explicou Aderaldo Medeiros, diretor da IPA no Rio de Janeiro.

Teresópolis com estoque zerado de vacina contra a Raiva


A Secretaria Municipal de Saúde de Teresópolis está com o estoque de Vacina contra a Raiva Humana (VCRH) e o Soro Antirrábico Humano (SAH) zerado. O município, que é Polo Regional de Vacinação e Soro contra a Raiva Humana, não tem recebido a quantidade necessária de VCRH para atender a demanda. O município deve receber 200 doses por mês, entretanto, em janeiro, Teresópolis foi abastecida com apenas 120 doses. A vacina é fundamental para combater a Raiva Humana, uma doença infecciosa quase sempre fatal.

Os municípios recebem as vacinas do Governo do Estado, que repassa o que recebe do Governo Federal.  Entretanto, em novembro de 2018, o Ministério da Saúde divulgou uma Nota Técnica (nº221/2018 - CGTD/DEVIT/SVS/MS) informando sobre a insuficiente disponibilidade mundial de vacina contra a raiva e que, apesar da necessidade ser de aquisição de 2,6 milhões de doses de VR para atender a demanda do país, só conseguiu adquirir 1,3 milhões de doses da vacina, que corresponde à metade do total inicialmente planejado.

Neste momento, Teresópolis encontra-se desabastecido da vacina e do soro, por não haver liberação deste imunobiológicos pela Secretaria Estadual de Saúde. A orientação da SES-RJ é de que seja feito um cadastro de espera dos pacientes que necessitem de aplicação da vacina ou do soro. Além disso, a administração dos imunobiológicos deve ser feita somente em situações de extremo risco, como mordida de morcego ou de animais silvestres.

Teresópolis, mesmo sendo Pólo Regional de Vacinação e Soro contra a Raiva Humana,  tem buscado em unidades mais próximas algumas doses dos imunobiológicos para os casos mais graves. Entretanto, hoje, sexta-feira (15), o estoque está zerado.

Problema antigo


Desde 2015, o abastecimentos de vacina e soro antirrábico não é feito regularmente. Em julho de 2015, o Programa Nacional de Imunizações, através da Secretaria Estadual de Saúde, informou sobre a irregularidade no fornecimento, aos municípios brasileiros, dos soros antirrábico humano, antitetânico, antiaracnídeo e antielapídico.

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019

Resultado final da seleção para contratação de professores


Divulgado na terça-feira (12/02), o resultado final do processo seletivo simplificado para contratação temporária de 98 professores para a Rede Municipal de Ensino.

A lista pode ser conferida pelo link:

Os candidatos classificados (marcados em verde na listagem de Resultado Final) deverão comparecer no Auditório da Secretaria Municipal de Educação de Teresópolis (Rua Carmela Dutra, 475 – 2º andar – Agriões) para iniciar os procedimentos necessários a contratação, conforme disposto no Edital: Professor II na quinta-feira, 14/02, às 14h, e Professor I na sexta-feira, 15/02, às 14h.

A previsão é que os professores comecem a dar aulas entre 18 e 19/02. As vagas serão ocupadas de acordo com a disponibilidade tanto na área urbana quanto no interior.

As vagas e cadastros de reserva serão distribuídos da seguinte forma: 57 vagas para professor II (do 1º ao 5° ano) e 41 vagas para professor I (6º ao 9º ano), distribuídas assim: 9 para a disciplina de Língua Portuguesa; 6 para Matemática; 2 para Inglês; 7 para Ciências; 6 para Geografia; 5 para Educação Física; 3 para História e 3 vagas e cadastro de reserva para Educação Artística.

terça-feira, 12 de fevereiro de 2019

SINE Teresópolis divulga novas vagas de empregos

Vagas de empregos formais no SINE Teresópolis

A Secretaria Municipal de Trabalho, Emprego e Economia Solidária informa o quadro de vagas de emprego disponíveis no Sine - Teresópolis:


OBS.: Importante destacar que devido à grande procura, as vagas anunciadas podem ser preenchidas a qualquer momento, sem aviso prévio.

Vinculado à Secretaria de Trabalho, Emprego e Economia Solidária, o Sine funciona no Centro Administrativo Municipal Manoel Machado de Freitas (Av. Lúcio Meira, 375/1º piso, Várzea). Para atendimento no setor do Sine, o atendimento acontece das 8h30min às 12h00 - 13h00 às 17h00. Tel.: 2641-0357.

Troca de lâmpadas em mais seis bairros de Teresópolis


Troca de lâmpadas em Teresópolis - Foto de arquivo

Nos últimos dias, a troca de lâmpadas aconteceu nos bairros Barra, Beira Linha, Cascata Guarani, Golfe, Granja Florestal e Salaquinho. Os reparos também acontecem no interior, como foi o caso de Providência (2º Distrito).

A troca de lâmpadas e relês vem sendo feita por equipe da Secretaria de Serviços Públicos em diferentes pontos da cidade, atendendo de imediato os lugares mais críticos.


A iluminação pública é um elemento urbanístico essencial para conferir segurança e qualidade de vida, permitindo à população desfrutar dos espaços públicos com mais tranquilidade.


Casa de Cultura inicia cursos gratuitos em diversas áreas

Cursos na Casa de Cultura - Foto de arquivo

Nesta segunda-feira (11/02), começaram as aulas na Casa de Cultura Adolpho Bloch, em Araras. Este ano foram oferecidas novas 213 vagas e as matrículas terminaram no dia 25 de janeiro.  Os cursos, todos gratuitos, vão de Ballet a Teatro, passando por pintura e desenho.

As vagas foram divididas por cursos e idades. São elas: Baby Class (de 4 a 6 anos); Ballet infantil (7 a 8 anos); Ballet adulto (11 a 35 anos); Jazz infantil (8 a 14 anos); Jazz adulto (a partir de 15 anos); Zumba (a partir de 18 anos); Pintura e Desenho (a partir de 15 anos); e Teatro infantil (7 a 12 anos); Teatro adulto (a partir de 16 anos).

Os cursos são ministrados por professores técnicos de cada área. São eles: Baby Class, Jazz e Zumba (Professora Kelly Nogueira), Ballet (Professora Marcela Barbosa), Teatro (Professores Adriano Ramires, Edinar Corradini e Beto Corrêa), Desenho e Pintura (Professor Ricardo Guarilha).

A diretora da Casa de Cultura Adolpho Bloch, Georgia Jahara, explica como esses cursos ajudam a desenvolver a formação cultural dos alunos. “Nosso objetivo é permitir o acesso da população a algumas modalidades artísticas que disponibilizamos gratuitamente ao longo do ano, permitindo que as pessoas consigam evoluir dentro do aspecto cultural de cada um desses cursos”, conclui.

sábado, 9 de fevereiro de 2019

Desfiles de Blocos precisam de autorização da Prefeitura


Os blocos de carnaval que desejarem desfilar pelas ruas da cidade devem buscar a Prefeitura de Teresópolis para conseguir a liberação junto a todas as entidades envolvidas. O prazo para solicitar a liberação termina dia 13 de fevereiro.

No dia 28 de janeiro, a Secretaria de Turismo convocou os representantes dos blocos da cidade para uma reunião. Entretanto, nem todos compareceram. Quem participou foi informado sobre os critérios para a realização de desfiles no período carnavalesco.

Os critérios estabelecem que, para desfilar, é preciso abrir um protocolo na Prefeitura e procurar a Secretaria de Turismo. Não poderão desfilar os blocos que não receberam autorização da Prefeitura, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Vara da Infância/Conselho Tutelar. Todo o processo de liberação foi concentrado na Secretaria Municipal de Turismo para facilitar os blocos.

Os documentos para dar entrada na solicitação são: nome do bloco, CNPJ (no caso de empresas), nome e dados completos do responsável (com cópia da identidade), percurso e croqui do percurso (com informações sobre local da concentração, itinerário e dispersão), público estimado e se existe necessidade de fechamento de ruas.


“É preciso que as pessoas entendam que o espaço é público e que regras precisam ser seguidas. E tudo que envolve concentração de público tem que ter segurança. Nós não vamos impedir que os blocos desfilem, só queremos saber de que forma podemos ajudar para que as pessoas se divirtam sem riscos. Estamos buscando os blocos e fazendo todo o esforço possível para ajudá-los a ter um carnaval tranquilo. Mas, é preciso que os responsáveis entendam que não será permitido desfile sem autorização. Esta é uma determinação nossa, da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros e das demais entidades envolvidas”, pontuou o subsecretário de Eventos, Fernando Rocha.


Agricultores familiares fecham contratos para a merenda escolar


Contratos para fornecimento de produtos - Foto: Jorge Maravilha

A Prefeitura de Teresópolis, através da Secretaria Municipal de Educação, assinou nesta sexta (8), os contratos para fornecimento de produtos da agricultura familiar para a merenda escolar, relativa ao primeiro semestre letivo de 2019. Com investimento em torno de R$ 700 mil, recursos oriundos do Programa Nacional da Alimentação Escolar (PNAE), a importância tem destinação específica para este tipo de aquisição. A segunda Chamada Pública da Gestão do Prefeito Vinicius Claussen foi realizada no dia 4 de dezembro de 2018.

Para Rosana Mendes, Secretária Municipal de Educação, os agricultores estão satisfeitos com a compra dos alimentos diretamente dos produtores locais. “Eles deram vários testemunhos durante a assinatura dos novos contratos e por poder expandir a produção para cidades vizinhas. A entrega e a logística são feitas pela empresa terceirizada. Mas, estamos afinando a logística para manter a qualidade do alimento, desde a entrega no galpão até a distribuição nas escolas”.

Os benefícios do procedimento são nutricionais e econômicos. “Incentiva a agricultura familiar, traz benefício nutricional na merenda, com a inclusão de alimentos mais saudáveis E tem a questão social, pois o poder público compra do agricultor familiar de Teresópolis e da Região Serrana”, destacou Guilherme Ferreira, Diretor de Produção Agrícola da Secretaria Municipal de Agricultura.

Para Filippe Pereira da Silveira, nutricionista da Rede Municipal de Ensino, os produtos chegam mais frescos na escola. ”Os pedidos são feitos semanalmente e os produtores rurais entregam a mercadoria no galpão da empresa, contratada por licitação, para fornecer a merenda escolar. Ela é responsável por distribuir os alimentos às escolas”, explicou.

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2019

Educação de Teresópolis vai receber investimentos e reformas


Volta às aulas com boas notícias - Foto: AsCom PMT

O ano letivo de 2019 promete novidades para os 21 mil alunos das escolas da rede municipal de Teresópolis. Uma série de investimentos está sendo planejada para a melhoria da educação pública na cidade, que conta com 97 unidades de ensino, incluindo creches e centros de educação infantil.

Com um orçamento de aproximadamente R$ 178 milhões, a Secretaria de Educação pretende cumprir, ao longo de todo o ano de 2019, uma lista com 79 itens para aprimorar a educação pública de Teresópolis.

Entre eles, estão: aquisição de materiais pedagógicos; material de limpeza; material de banho e higiene para as creches; uniformes escolares, sendo que uma parte foi recebida no final de 2018 e a segunda será recebida no segundo semestre deste ano; aumento da frota, com a aquisição de novos ônibus escolares; além da melhoria na área de informática nas escolas.

“A minha expectativa para esse ano, é que todo o planejamento de despesas que nós estimamos para 2019, seja ele com recursos federais ou recursos próprios da Prefeitura, seja realizado. São 79 itens que incluem serviços e materiais, que levantamos como despesa. Todos esses itens estão sendo licitados, para que possamos adquiri-los”, comenta Rosana Mendes, Secretária de Educação de Teresópolis.

Obras

Para aprimorar o atendimento, a Prefeitura dá continuidade às obras de reforma em cinco escolas municipais: Alice Saldanha (Morro do Tiro), Heleno de Barros Nunes (Fischer), Maria da Glória Gonçalves (Imbiú), Sebastião Branco (São Pedro) e Tiago Pacheco de Medeiros (Venda Nova). Entre os serviços executados estão contenção de encosta e drenagem, ampliação, revisão de instalações elétricas e hidrossanitárias, revestimentos em geral e pintura.

Na Escola Tiago Pacheco de Medeiros, que terá duas novas salas de aula, o início da obra estava previsto para agosto de 2018. Porém, houve um atraso por conta da alteração do projeto inicial e a realização de terraplanagem para nivelar o terreno. “A obra na parte interna da escola será finalizada em fevereiro. A parte externa e a construção das duas salas de aula terão início nesta nova etapa”, informa Rosana Mendes.

Laboratórios de informática

A Secretaria de Educação constatou que alguns centros de ensino contam com espaço para informática, mas possuem computadores antigos e sem manutenção; e outras escolas não têm local próprio para um laboratório. Para solucionar este problema, a Secretaria pretende estabelecer um critério para as escolas que irão receber melhorias em seus laboratórios, incluindo computadores novos. E os alunos das escolas que não possuem espaço para informática, receberão notebooks para os seus estudos.

Mais reformas

Já foram licitadas, e aguardam a assinatura de contrato com as empresas contratadas para realizar as obras de reforma, as escolas Beatriz Silva (Barra do Imbuí), Dorvalino de Oliveira (Meudon), CIEP Amaury Amaral dos Santos (Fonte Santa) e Stella Moraes Simões (Vargem Grande). Já na Creche Municipal Começando a Viver (Granja Guarani) e a Escola Maçon Lino Oroña Lema (Tijuca), as obras foram orçadas e aguardam licitação.

Curso qualifica servidores para captar recursos federais


Laboratório do SENAC, na Várzea - Foto: Jorge Maravilha

Treinar gestores municipais na elaboração de propostas e na captação recursos federais para obras e projetos para o município foi o objetivo do curso de capacitação sobre o SICONV (Sistema de Convênios e Contratos de Repasse do Governo Federal).

A qualificação foi realizada nestas quarta (6) e quinta (7), no laboratório do SENAC, na Várzea, que disponibilizou o espaço para que secretários, subsecretários e equipes técnicas de várias secretarias tivessem acesso à plataforma SICONV, a fim de aprender sobre o funcionamento e o manuseio do sistema.

“Excelente oportunidade para qualificar as equipes da Prefeitura e aprimorar a gestão das transferências voluntárias do Governo Federal através de convênios, termos de parceria e outros instrumentos. Isso é fundamental para viabilizar a captação de recursos para obras, projetos e serviços em benefício da melhoria de vida da nossa população. E para que isso aconteça, é primordial que os nossos colaboradores saibam usar a plataforma SICONV com eficiência”, avaliou o Prefeito Vinicius Claussen.

O SICONV é uma ferramenta on-line que agrega e processa informações sobre as transferências de recursos federais para estados e municípios. Entre as vantagens estão a agilidade na efetivação dos contratos, a transparência do repasse do dinheiro público e a qualificação da gestão financeira.

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2019

Hipertensos e diabéticos receberam consulta especial


Primeiro encontro do grupo de Hiperdia - Foto: PMT

Na manhã desta terça-feira (05/02), foi realizada no Posto de Saúde da Família do bairro Quinta Lebrão, o primeiro encontro do grupo de Hiperdia com pacientes hipertensos e diabéticos da região. Foram atendidos 72 pacientes e todos saíram com as consultas futuras já marcadas.

Além destes atendimentos, dois alunos do curso de Medicina do Unifeso (Centro Universitário Serra dos Órgãos) e um aluno de Técnica de Enfermagem do Senac apresentaram palestra sobre Câncer de Próstata. Em 2018, vários moradores do bairro foram diagnosticados com a doença.

'Cultura de Raiz' inicia temporada 2019 com música e verso


Cultura de Raiz 2019 - Foto: Jorge Maravilha

A temporada 2019 do Cultura de Raiz começou, neste domingo (3/02), na Casa de Cultura, com  música, prosa e verso do homem do campo. Artistas de Teresópolis e de cidades vizinhas, como Guapimirim, se apresentaram ao som de sanfonas, zabumbas, triângulos e violões.

A secretária de Cultura e de Turismo, Cléo Jordão, anunciou que, em abril, quando o programa completa 10 anos de existência, acontecerá uma edição especial, com novo cenário. “Em abril, teremos a comemoração pelos 10 anos do programa. Pretendemos fazer uma edição especial de aniversário, com cenário novo e a participação de artistas da região”.

Clotilde Soares de Souza não perde uma edição do programa. “Eu gosto muito do Cultura de Raiz. Estou sempre aqui. Fala a minha língua, nasci no interior”, disse a dona de casa.

Artistas

Participaram da primeira edição de 2019 do Cultura de Raiz os artistas Adão Curió, Amado Rodrigues, Crésio da Vila, Edson Rosa, Eraldo, Félix do Forró e Trio (Tião, Genaro e Ademir), Firmininho, Genaro, Helcy Vicente, Írio Lima (de Guapimirim), Julicão, Moacir Rosa, Nano Lyrio, Paulo Medeiros, Raul Oliveira, Tião, Vanda Pinheiro, Zé Luiz e Zé Lopes.

Cultura de Raiz 

O Cultura de Raiz é um projeto mantém que viva a música de raiz e valoriza o artista local, da cidade e do campo. É um grande encontro mensal, que acontece sempre entre fevereiro e dezembro, com entrada franca. Atualmente o programa é produzido e apresentado por Eliana Resende, servidora da Secretaria de Cultura.