quarta-feira, 1 de agosto de 2018

Etapa da Olimpíada Brasileira de Robótica em Teresópolis

Olimpíada Brasileira de Robótica no CESO - Imagem: Divulgação

A robótica tende a se tornar uma das dez maiores áreas de pesquisa na próxima década e é uma atividade estratégica para o país no caminho para o seu desenvolvimento. Para estimular o interesse dos jovens nesta área tão promissora, o Centro Educacional Serra dos Órgãos (CESO) sediou, dia 4 de agosto, uma das etapas regionais da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR).

A competição destinou-se a todos os estudantes de qualquer escola pública ou privada dos ensinos fundamental, médio ou técnico, em todo o território nacional, e é uma iniciativa pública, gratuita e sem fins lucrativos.

Para a etapa regional sediada pelo CESO, competiram 19 equipes da Região Serrana do Rio de Janeiro e adjacências. A equipe do CESO é composta por quatro alunos do ensino médio e conta com a coordenação dos alunos do curso de Ciência da Computação do Centro Universitário Serra dos Órgãos (UNIFESO), que também estão responsáveis pela organização do evento.

A etapa regional tem três rodadas e cada equipe deverá fazer com que seus robôs executem as tarefas solicitadas pela bancada de avaliadores. A equipe vencedora estará classificada para a etapa estadual da competição, que acontecerá em Volta Redonda (RJ).

A OBR possui duas modalidades: Prática e Teórica, que procuram adequar-se tanto ao público que nunca viu robótica quanto ao público de escolas que já têm contato com a robótica educacional. As atividades acontecem através de competições práticas (com robôs) e provas teóricas em todo o Brasil.

A competição ocorre desde 2006 e, atualmente, é considerada o maior evento de robótica da América Latina e classifica equipes para a RoboCup, maior evento de robótica do mundo. No ano de 2017 foram mais de 140 mil participantes diretos de todos os Estados Brasileiros com mais de três mil equipes competindo na modalidade prática no país.

Nenhum comentário:

Postar um comentário