sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Ferreira Gullar e Moraes Moreira no Festival de Artes de Teresópolis


Moraes Moreira e Ferreira Gullar - Foto: Marco Esteves

Dando continuidade ao Festival de Artes de Teresópolis, o cantor, compositor e músico brasileiro, Moraes Moreira, apresentou, na noite da última quarta-feira, 12, na Feirinha de Teresópolis, um espetáculo significativo de músicas, poesias e historias que marcaram a trajetória de sua carreira. Dono de sucessos como “Preta Pretinha”, “Pombo Correio” e “Festa do Interior”, o baiano relembrou os tempos do movimento dos Novos Baianos até Sonhos Elétricos, histórias registradas e publicadas em dois livros de sua autoria.

No segundo dia do Festival, mais estrelas brilharam, encantando centenas de pessoas. Durante o dia, as oficinas ministradas por Lúcia Fidalgo, Deneir, Domi Junior e o poeta e crítico de arte Ferreira Gullar reuniram dezenas de pessoas na Casa de Cultura Adolpho Bloch. “Iniciativas como esta tem grande importância. Falamos aqui sobre cultura e educação, questões relevantes. Muitas vezes, um encontro como este influi na vida de uma pessoa, muda a vida de alguém. Fico muito feliz por ter participado, pela receptividade, pelo interesse demonstrado pelo público e pela inteligência das perguntas e a pertinência dos assuntos tratados”, comentou o poeta Ferreira Gullar.

À noite, foi a vez do cantor e compositor Moraes Moreira extasiar uma plateia lotada no Espaço Arte e Conhecimento, na Feirinha do Alto. Durante o show uma mistura de música, experiências e referências culturais adquiridas no decorrer de sua vida artística encantaram o público. Integrante do movimento dos Novos Baianos, no final da década de 60, na Bahia, Moraes Moreira também é autor de dois livros publicados. O artista falou da conquista de fazer um show misturando musica e poesias de sua autoria. “Hoje me considero um artista mais completo. Até as letras das músicas estão mais caprichadas devido esse envolvimento maior com a literatura. Para mim, cantar e recitar no mesmo show é uma conquista maravilhosa”, disse Moraes.

Para o Secretário Municipal de Cultura, Ronaldo Fialho, a participação popular no Festival está correspondendo as expectativas. “As oficinas, na Casa de Cultura deram um público acima do imaginado, o show do Moraes Moreira já está lotado. Essa é a cara saudável e artística que Teresópolis deve ter... ”, disse Fialho.

Com a proposta de ser um festival de artes em torno da leitura, o evento está trazendo a Teresópolis renomados criadores e pensadores do cenário cultural nacional. Artistas locais também participam do festival, através da Mostra de Teatro de Teresópolis, que inclui a apresentação de peças de sete grupos teatrais, a serem encenadas nos dias 14, 15 e 16/09.

As apresentações acontecem nas tendas ‘Espaço Arte e Conhecimento’, ‘Espaço Criar e Contar Histórias’ e ‘Espaço Cultura das Artes’, montadas na Feirinha de Teresópolis, no Alto, e na Casa de Cultura Adolpho Bloch, no bairro de Fátima. O evento é destinado a todas as faixas etárias e diversas áreas do conhecimento. Iniciado na última terça, dia 11/09, o festival vai até domingo, dia 16/09, trazendo à cidade diversas atrações culturais, todas gratuitas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário